sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Escolinha Montessori - adaptação e dia-a-dia

Adaptação: 

Faz hoje um mês que o Leo iniciou a sua vida escolar :) a adaptação está a correr bem, melhor do que eu pensava. A primeira semana fiquei com ele só umas horas, a segunda semana ficou sozinho, sem choros, uns dias ficava um pouco triste mas depois ficava bem. A terceira semana foi só um dia devido a umas férias programadas na ultima hora - mas que foram maravilhosas - pensei que ele ia regredir por estes dias sem ir mas não, logo o primeiro dia depois das férias ficou lá sem mesmo se despedir de mim :)
Mas hoje exactamente o dia em que faz um mês ele ficou a chorar :( sai de lá com o coração partido...

Tenho notado que ele anda um pouco mais irritado cá em casa, faz mais birrinhas tem menos paciência e quer muito a mamã, mas na escolinha segundo as educadoras ele está bem e é super amoroso. Sei que também eu ando um pouco mais cansada e com menos tempo dedicada a ele, será esse o motivo do choro de hoje? Ele só quer é a mamã por perto...
Hoje vou planear bem a nossa tarde e não há dor de costas ou cansaço que me vão deitar abaixo, vou dedicar a tarde ao meu filho.
Outra coisa que me tem vindo a preocupar é a dificuldade de comunicação que o Leo tem na escolinha, embora pensasse que iria ser um problema grave logo desde inicio, parece-me que está a surgir agora. O Leo é super conversador, passa o dia a falar e por lá não consegue comunicar-se. Ele sabe muito pouco de alemão para manter o mesmo dialógo que faz em português e acho que isso o anda a fazer sentir-se frustrado. :(

Ele tem uma amiguinha alemã já faz quase 2 anos com a qual se dá muito bem, é maravilhoso de ver, com ela, ele fala em alemão e português e ela por o conhecer faz tanto tempo, entende o que ele diz :) na escolinha as outras crianças são super amorosas, ainda hoje queriam todos ajudar o Leo a ficar sem chorar, mas sinto que falta da parte dele essa facilidade de comunicação.
Isto deixa-me tão preocupada, coitado do meu pequeno... Mamãs ou papás que passaram ou passam a mesma situação, como foi com os vossos pequenos?  Não sei como o posso ajudar....
Ou será que estou a fazer uma tempestade num copo de água? E ele logo logo vai estar a falar alemão melhor que eu?! E hoje foi só um dia mau.
Falei com a educadora dele e ela disse que nota que ele comunica mais, mas que ainda brinca mais sozinho, mas na hora das musicas participa muito (ele até já canta em casa uma musiquinha da escolinha :) ) e que é muito bem educado - diz sempre obrigado e se faz favor em alemão :)


A primeira musiquinha que o Leo canta em casa: "O Outono chegou" :)

Dia-a-dia na escola Montessori:

Estou a gostar muito da escola e até agora vai de encontro com todos os meus ideais.
Uma escola pequena com duas salas cada uma com 14 crianças e duas educadoras por sala. Sendo que 2 dias por semana estão 3 educadoras por sala. As crianças têm entre 3 a 6 anos.
Acho maravilhosa a vantagem que esta diferença de idades traz, os mais velhos ajudam os mais novos e  aprendem a ser responsáveis e dedicados aos outros. Os mais novos por sua vez além de se sentirem protegidos têm a quem admirar e seguir como exemplo do que eles irão fazer a seguir.
Logo nos primeiros dias presenciei esta relação e fiquei fascinada. Uma criança mais velha foi voluntariamente sentar-se junto do Leo a ensinar-lhe um joguinho que o Leo tentava fazer.

O dia começa pelas 8h sempre com as crianças sentadas num circulo onde dão o bom dia umas às outras e cantam umas músicas, a educadora conversa com eles, dizendo o que irão fazer durante o dia. E é também hora de as crianças partilharem as suas experiência com os outros, por vezes levam livros ou brinquedos que querem mostrar aos amigos.
Em um dos dias que eu estive presente uma das crianças levou um xilofone feito por ela e o pai dela com tubos de ferro, lindo e fazia um som muito suave. todas as crianças ficaram em silencio ouvindo. :)
Depois segue-se um lanche com muita fruta biológica que é preparada na escola e o pão que cada criança leva de casa.
Não é permitido no lanche a criança levar bolos ou guloseimas, estes ficam restritos aos dias de aniversário em que é feita uma festa especial  - o Leo teve a sua festa logo na segunda semana, farei um post sobre o assunto - um aniversário Montessori.

Depois do lanche têm o momento Montessori, em que cada criança pode escolher o jogo que quiser (sendo por vezes orientada pela educadora) e onde são feitos momentos em grupo, individuais e educadora-criança. É um momento de muita concentração e dedicação de todos nas suas funções.

Segue-se o momento ao ar livre, faça sol ou chuva eles saem para a rua  e brincam no parque da escolinha que é enorme e tem muitos brinquedos.
Almoçam pelas 12h e fazem o momento de calma, no qual as crianças que querem dormir vão para um quarto e as outras ficam na sala a brincar com jogos mais calminhos, a educadora lê livros ou simplesmente ouvem musica e conversam.
E assim acaba o dia :) pelas 14h vou buscar o Leo, algumas crianças ficam até às 16h.

Durante a semana existem 3 dias em que a rotina se altera um pouco:  com o dia da música em que um professor de musica dá uma aula muito animada com muita musica, instrumentos e dança. O dia da ginástica e o dia do passeio na floresta que o Leo adora :)

E é aqui de o meu menino cresce e aprende! Tal como a mamã aqui tinha idealizado.
Como são as rotinas nas escolinhas dos vossos filhos?
E papás de filhos bilingues como correu com vocês?

Partilhem comigo

5 comentários:

Celi disse... [Responder Comentário]

Sofia, muito bom que esteja feliz com a escola do Leo. Tão bom quando sentimos segurança, quando há uma proposta pedagógica que vai ao encontro dos nossos ideais e princípios.
Fique tranqüila que logo logo Leo passará a falar muito alemão. Acho que é só uma questão de tempo, de integração na escola. Agora, tenho uma pergunta para você: Como a escola apresenta a proposta? Dizem com todas as letras que é uma escola montessoriana? Me conta um pouco, pois sabe que na escola do Felipe também identifico muitas atividades montessorianas, mas em momento algum eles usam esse termo. Sei lá se é diferente quando pensamos no idioma alemão. Beijos

Cora disse... [Responder Comentário]

Querida Sofia, estava um tanta saudosa deste seu cantinho.
Gostei muito de ler sobre a rotina do seu pequeno, gosto tanto de ouvir dos pais como enxergam a rotina escolar.
É mesmo um ambiente propicio ao aprendizado.
Fico muito feliz por vocês!

Grande abraço.

Alexsandra Mezei disse... [Responder Comentário]

Sofia Brites,

Acompanharei o seu blog, abraços!

Alexsandra Mezei

Ana Paula - Journal de Béatrice disse... [Responder Comentário]

Oi Sofia!
Realmente, tem algumas semelhanças entre a escola do Leo e da Bê. Os dois dividem a classe com alunos mais velhos : )
Quanto o biliguismo, também passamos por isso... No inicio a Bê ficou bem irritada e as birras ficaram bem mais frequentes em casa e até mesmo na escola. Sei que essa reação foi desencadeada pelo estranhamento do idioma e a nova rotina, a rotina escolar. Havia um bloqueio inicial, pois ela não compreendia o que falavam com ela e as pessoas também não a compreendia. Mas, gradativamente, ela foi assimilando. Por aqui a adaptação idioma-rotina de escola levou uns três meses para acontecer. As professoras foram bem compreensivas e pacientes. Vai dar certo com o Leo, pode acreditar.
Uma dica que eu dou é ter essas musiquinhas em casa para o Leo ouvir e vc cantar (e fazer gestos) com ele. Tenho alguns Cds com comptines fracesas e isso ajuda a familiarizar-se cada vez mais com o idioma. Assim como a Bê, o Leo ira falar o idioma estrangeiro com muita facilidade!
Estou torcendo aqui ta?
Ah, quanto ao aniversario Montessori (ja aguardando o post!!), a partir do ano que vem pretendo adotar o ritual da luz e as voltas no circulo. Mas sera um ritual nosso, coisa familiar. Acho muito bacana o conceito.
Beijão e otimo final de semana : ))

Dayane disse... [Responder Comentário]

Sofia, obrigado pelos comentários lá no blog e compartilhas sua maneira de pensar. Muito boa essa troca.
Acredito que logo logo o Leo estará bem confiante com o alemão. As crianças se adaptam muito rápido. Que bom que encontrou uma escolinha onde os dois estão felizes, que é de acordo com os princípios de vocês.
beijos

Publicar um comentário

Partilha comigo a tua opinião

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...