terça-feira, 13 de julho de 2010

Educar com limites

Ontem num passeio pela Internet li um artigo sobre educar com limites. Todas nós mães desejamos filhos disciplinados que saibam estar em cada situação do dia-a-dia e de preferência que sejam crianças sempre bem dispostas. Claro que isto só acontece nos nossos sonhos. Não podemos esquecer que crianças são seres humanos, têm os seus dias e acima de tudo estão em aprendizagem, logo devíamos ser mais tolerantes quando estas cometem um erro mas normalmente fazemos o contrário, somos mais tolerantes com os erros dos adultos que já deviam ter aprendido a lição, caricato não acham?
Mas a questão fica... Como podemos ensinar, educar, guiar os nossos filhos por um bom caminho? Como podemos educar impondo limites?
Estabelecer regras ajuda a criança a saber comportar-se e a reagir às diversas situações da sua vida, promovendo condições para se desenvolver e se organizar de forma a viver confiante e segura.
No artigo dizia que a indisciplina com relação a horários, desorganização ou birra são alguns dos comportamentos específicos de crianças que evidenciam a falta de limites. Por isso, é importante os pais colocarem regras de forma adequada desde o nascimento dos filhos, e durante todo o seu desenvolvimento. Os pais devem estabelecer limites adoptando uma postura firme e coerente, agindo sempre da mesma forma frente às situações semelhantes e além disso os pais devem dar sempre o exemplo. Mas como poderemos colocar estas regras? E quando as crianças ainda são pequenas e não entendem que o que fazem é errado?
Não existe nada mais importante para as crianças que o Amor e a aceitação dos pais, uma criança com dificuldade em obedecer a regras, em ser disciplinada tem dificuldade em desenvolver de forma adequada a sua capacidade de raciocínio sentindo-se insegura.
Na prática as coisas complicam-se... não é fácil ser mãe... precisamos uma grande dose de paciência e de calma ao impor limites o que nem sempre é fácil. Teremos que ter consciência que o nosso filho pode não aprender à primeira e teremos que repetir tudo mais uma vez, a linguagem utilizada deverá ser clara e adequada à compreensão da criança para que ela possa entender. Não é tarefa fácil...
Mas sabem o que acho? Que acima de tudo uma criança aprenderá mais através de exemplos do que com palavras. E estabelecer limites ao Educar uma criança oferece segurança e uma base sólida na formação da personalidade. É educar com amor.

3 comentários:

Fernanda disse... [Responder Comentário]

As crianças necessitam de limites, isso transmite-lhes a impressão de segurança e estabilidade. Pais demasiado permissivos estão a criar filhos inseguros.

Educar é repetir, repetir, repetir....! Quantas vezes digo "mastiga sem fazer barulho"?! Todos os dias! Só um exemplo.

Mas educar com amor, sempre!

Sofia disse... [Responder Comentário]

Como eu sempre digo: muito muito carinho :D

Mamãe caprichosa disse... [Responder Comentário]

Oi Sofia!!
É, sem dúvida, nossos pequenos precisam de limites claros, mas temos que concordar que não é fácil não!!!? Ô criançada que teima, questiona, pergunta, tenta enrolar..... estão cada vez mais espertos e prontos a achar um caminho para diblar as regras!!
Tb concordo, educar precisa ter muito carinho e repeti a mesma ladainha incontáveis vezes e, é claro, dar o exemplo, senão tudo não vai passar de palavas vazias!!!
Abs
Carla

Publicar um comentário

Partilha comigo a tua opinião

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...