sábado, 4 de setembro de 2010

O que é ter filhos?

Depois da chegada de um filho a nossa vida ganha outro sentido entram em cena necessidades que antes não questionávamos. Para se sentir confiante a ponto de partir para explorar o mundo por conta própria, a criança precisa de uma base segura. Os pais precisam ser constantes, confiáveis e respeitáveis.
Desde a chegada do meu pequeno tesouro que me sinto, na realidade, outra pessoa, comecei a dar importância a outras coisas, a estar mais atenta, eu e o meu marido mudamos muito, acho que posso mesmo dizer que ficamos mais adultos. :) Antes se fossemos trocar os pneus do carro escolheríamos uns dos mais baratos, mas agora o nosso sentido de "segurança acima de tudo" levou-nos a comprar uns pneus mais seguros logo mais caros, fazemos tudo a pensar, consciente ou inconscientemente, no nosso mais-que-tudo.
Com a chegada dos filhos, nós pais "Plantamo-nos com firmeza no chão para que nossos filhos possam aprender a voar."
Diante da situação desconhecida que é ter um filho, tentamos estabelecer o máximo de segurança possível. Procuramos conter o imprevisível, organizamo-nos, estabelecemos prioridades, ficamos sérios. Deixamos para trás o que é imaturo, irresponsável, agitado, excessivo e improdutivo e agarramo-nos de garras e dentes à nossa tarefa de criar uma família. A vida familiar desenvolve-se numa atmosfera de conforto e consistência.
Ter filhos é descobrirmo-nos como seres humanos, sentirmos na pele que podemos dar tudo de nós, sentirmos que existe um sentimento de amor, afeição e carinho que não podemos medir, sentirmos que não há nada mais importante neste mundo que eles.  
Mas também é sentirmos um frio na espinha quando não encontramos soluções prontas e vivermos assustados por não saber como lidar na educação dos nossos filhos. Os filhos são um tesouro que nos torna mais afectuoso e que ao mesmo tempo nos suscitam um profundo sentimento de vulnerabilidade e falta de controle. Temos pavor de pensar na possibilidade de lhes acontecer algo de terrível ou, pior ainda, de perde-los. Eles nos mantém reféns da ansiedade permanente. Amamos muito os nossos filhos e queremos protege-los a todo custo. Queremos acertar na forma como os educamos.
Ter filhos é um viver num turbilhão de emoções... é viver sem limites de amor e carinho mas ao mesmo tempo sem limites de ansiedade, medo, preocupação...  é não ter tempo e ter tempo para amar o tempo todo...
E o que é para vocês ter filhos?

0 comentários:

Publicar um comentário

Partilha comigo a tua opinião

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...